Solpoesia

A palavra é uma grande metáfora; tudo pode signicar;"palavra aceita tudo".

Textos

Adeus
Enfim, adeus!!
Ainda choro a ausência
da nuvem de fumaça
que te levou de mim....
Adeus!
Com você meus sonhos
de amor vestidos,
soltos por aí
sem destino, sem história...
Meu Deus,
quanta ilusão perdida
num faz-de-contas,
num conto de fadas
que só existiu em mim!
Adeus!
Vou seguir meu laço,
sem os  teus firmes traços,
pelo mundo afora...
Ficou em mim
o gosto amargo do vento triste,
num porquê sem respostas...
O tempo passa depressa
e arrastará consigo
a incógnita que me foi
tua dolorida partida...
Adeus!
Outras estações virão
em tua vida
e terás que dividir comigo
os dissabores do resgate
de um coração
que congelou no espaço
de tua triste despedida.
Solange Galeano
Enviado por Solange Galeano em 11/06/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras